Mudamos de cara e de endereço!

Todas as nossas postagens foram migradas para um novo endereço. Para ler qualquer postagem no novo site, substitua o "http://viasdefatocom.blogspot.com/" no endereço da postagem por "http://www.viasdefato.com/".

Agradeceríamos também se noticiasse o site que te trouxe até aqui para que atualize o endereço do nosso link em sua página.

Obrigado!

sexta-feira, 8 de maio de 2009

DECISÃO - Racismo via internet deve ser apurado pelo mesmo juízo, independente do local de conexão dos investigados

O crime de racismo praticado por meio de mensagens publicadas na mesma comunidade da internet deve ser processado em um mesmo juízo. A decisão, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), determina que siga na Justiça Federal de São Paulo a investigação de discriminação praticada contra diversas minorias, como negros, judeus e homossexuais.

(...)

No STJ, o parecer do MPF foi pela competência da Justiça em São Paulo, porque ocorreria conexão probatória, isto é, as provas deveriam ser colhidas por um mesmo juiz. Além disso, como os investigados mantêm contato entre si, as buscas e apreensões em datas diversas, pelos vários juízos, prejudicaria a investigação.

Fonte: STJ - Coordenadoria de Editoria e Imprensa

1 comentários:

Janaína disse...

Pra quem disse que não tinha tanta regularidade ao postar... Tá ótimo!
Vou continuar como colaboradora!^
Beijo!

Postar um comentário